Desde sua criação, em janeiro de 1975, a APEG passou por diversos contextos políticos, mas sempre manteve em sua essência a missão de valorizar a carreira de Procurador do Estado e a inerente defesa dos interesses do Estado. É com esse espírito que a diretoria da entidade promove, a partir de hoje (14 de janeiro), uma série de ações para celebrar os seus 45 anos de fundação, convidando os associados a participarem dessa comemoração. Ao longo do ano, serão promovidas atividades diversas, com destaque para  a realização do V Congresso Regional de Procuradores de Estado da Região Centro-Oeste e Tocantins, em maio.

“Trata-se de um momento para comemorar o caminho desbravado e consolidado pela APEG para a valorização do Procurador do Estado de Goiás ao longo de quatro décadas e meia de existência. Temos atuado para dar continuidade a esse legado promovendo cada vez mais o fortalecimento da instituição e o reconhecimento da advocacia pública,” destaca a presidente da APEG, Procuradora Ana Paula Guadalupe.

“O reconhecimento do papel do Procurador do Estado tem sido uma das principais contribuições da entidade desde o início de sua fundação aos tempos atuais. A APEG tem se dedicado, sem descanso, a promover a carreira em toda as suas potencialidades, de forma coerente e independente e, dessa forma, colaborando para que o Estado possa efetuar melhores serviços à população”, ressalta o 1º vice-presidente da APEG, Procurador Claudiney Rocha Rezende.

“Os advogados devem procurar ter relações amistosas com seus clientes, uma vez que elas se baseiam na confiança recíproca entre eles. Assim, são sempre muito delicadas as discussões sobre eventuais insatisfações dos advogados públicos com seu cliente, o Estado, o que se dá mais exatamente com o governo, que é a condução política do Estado. Isso, por si só, já mostra toda a importância da APEG, que este ano completa 45 anos de atuação por melhores condições de trabalho, remuneração digna e efetiva independência técnica aos Procuradores do Estado de Goiás”, aponta o Procurador Cláudio Grande Junior, 1º Secretário.

“Nessa especial data, externo a minha sincera gratidão a todos que se dedicaram, ao longo desses 45 anos, ao nobre propósito de zelar por nossa carreira, de lutar para que ela alcançasse o digno posto institucional em que hoje se encontra”, frisa a 1ª Tesoureira da APEG, Procuradora Ariana Vieira Nunes Caixeta.

“A APEG de hoje é resultado da luta de gerações de Procuradores que, ao longo desses 45 anos, atuaram ativamente em prol do respeito às prerrogativas da nossa carreira. A consolidação e o protagonismo institucional da Procuradoria-Geral do Estado são frutos dessa luta. Devemos olhar com orgulho para essa trajetória, refletindo sobre os acertos e erros que servem de inspiração e lição para o presente e o futuro”, avalia o Procurador Alexandre Felix Gross, 2º Tesoureiro da APEG.

PAPEL RECONHECIDO

“A APEG é fundamental para o fortalecimento da PGE como o maior e mais importante escritório de advocacia do Estado de Goiás. Ao mesmo tempo em que prima pelas prerrogativas da carreira, postula pelo interesse e patrimônio públicos. Enfim, a APEG contribui sobremaneira para o trabalho de excelência dos procuradores, esses a serviço do Estado e da sociedade, função essencial à Justiça, na medida em que dão sustentação jurídica aos gestores públicos, a fim de que eles possam fazer chegar ao povo goiano os resultados de suas políticas públicas.”
Juliana Pereira Diniz Prudente, Procuradora-Geral do Estado de Goiás.


“Tenho plena convicção de que o sucesso da administração pública depende dos relevantes serviços prestados pelos procuradores do Estado. São peças fundamentais na sustentação do governo. O meu reconhecimento a esta categoria é notório, pois desde que assumi o cargo de governador fiz questão de implantar o sistema de compliance público. Ao mesmo tempo, solicitei à Procuradoria Geral do Estado (PGE) que disponibilizasse procuradores para a importante tarefa de rever os contratos dos governos anteriores e também da atual administração, resultando em grande economia para o Estado. Essa é a normativa até o final de meu mandato. É  uma parceria direta, pois não há uma decisão que não tenha o aval da procuradoria. Por esta razão quero dividir com todos este importante momento, em que a Associação dos Procuradores do Estado de Goiás completa 45 anos de existência. Isso mostra que estes profissionais se consolidam cada vez mais na estrutura do Estado, responsabilizando-se por boa parte dos bons resultados que estamos colhendo. Fica o meu apoio, o meu reconhecimento e o compromisso de cada vez mais reconhecê-los e valorizá-los.”
Ronaldo Caiado, Governador de Goiás.

Fonte: Assessoria de Comunicação da APEG | Ampli Comunicação

Voltar